Notícias

TÓQUIO 2020

COB revela uniforme do Time Brasil para a Cerimônia de Abertura em Tóquio

publicado: 06/03/2020 09h16, última modificação: 06/03/2020 09h16
Estampas exaltam peixes amazônicos, reúnem elementos da flora brasileira e fazem referência a pinturas japonesas

O uniforme de desfile do Time Brasil para a Cerimônia de Abertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 já está pronto! Produzido pela marca carioca Wollner, o traje traz na estampa os peixes amazônicos como elementos centrais, além de outras referências à flora e fauna brasileiras, combinadas a traços da tradicional pintura japonesa. A delegação nacional terá cerca de 270 atletas em Tóquio. Até o momento, 171 vagas estão garantidas. Dessas, 44 têm nome e sobrenome (as demais são do país). Nesse grupo de 44, 40 (90,9%) pertencem a contemplados pelo programa Bolsa Atleta, da Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania. O investimento anual nesse grupo é de R$ 5 milhões. O lançamento oficial dos uniformes será em evento no dia 15 de abril, data que marcará os 100 dias para os Jogos Olímpicos de Tóquio.

 

Campeão mundial e medalhista olímpico, Arthur Nory foi o primeiro atleta a provar o uniforme de desfile. Foto: Fernando Veloso Leão/COB


"Ficamos encantados com a beleza e delicadeza da estampa criada pela Wöllner especialmente para o Time Brasil. Os uniformes têm a cara do nosso país, sem deixar de lado o traço oriental como homenagem aos anfitriões", disse Manoela Penna, diretora de Marketing e Comunicação do COB. "Temos certeza de que o Time Brasil encantará o público durante a Cerimônia de Abertura dos Jogos, mostrando toda nossa brasilidade e causando uma ótima impressão ao público japonês".


Para chegar ao layout final, os designers realizaram um estudo dos tradicionais desenhos de animais japoneses e identificaram a carpa como um peixe que simboliza a superação. Assim, foi feito um paralelo dos peixes amazônicos que, assim como a carpa, nadam contra a corrente para alcançarem seus objetivos, e a carreira de um atleta de alto rendimento para chegar no topo do pódio.


"Vencendo desafios e lutando contra a corrente para conseguir se reproduzir, a carpa, diz a lenda, ao conseguir subir uma cachoeira, acaba por se transformar em um dragão. Imediatamente fizemos um paralelo com a história de um atleta profissional, cuja vida cheia de desafios e reviravoltas culmina com a medalha olímpica, uma recompensa por todo esforço", explicou o CEO da Wöllner, Giuliny Shauer.


Inspirada nos desenhos das carpas, a estampa, além dos peixes, possui reúne folhas de bananeira, espada de São Jorge, orelha de elefante, palmeira, alocasia e heliconia.


Nory, o pioneiro


Medalhista olímpico e campeão mundial, o ginasta Arthur Nory foi o primeiro atleta a experimentar as vestimentas e aprovou o resultado. "Achei tudo bonito, confortável e leve. Sabemos que vai estar bastante calor no Japão na época dos Jogos, então achei ótimo. Toda a história que criaram por trás do uniforme é legal. O conceito do peixe amazônico, da fauna e flora brasileiras juntas, ficou bonito. O Time Brasil será um grande destaque no desfile dos países", elogiou Nory.


No Japão, os atletas brasileiros terão uma experiência customizada para receber os uniformes na base do COB em Ota, logo ao desembarcar no país. A Wöllner desenvolverá ainda itens licenciados com as estampas exclusivamente criadas para os atletas brasileiros, além da marca do Time Brasil. Os produtos estarão à venda em todas as lojas da rede a partir de junho de 2020, com royalties direcionados ao Comitê Olímpico do Brasil.


Fonte: Comitê Olímpico do Brasil