Notícias

Notícias

Professores da Universidade de Ouro Preto apresentam projeto Atletas de Ouro na SNELIS

publicado: 21/08/2019 17h51, última modificação: 02/12/2019 18h47

A apresentação do projeto Atletas de Ouro, que tem como objetivo identificar novos talentos esportivos, foi a pauta da reunião entre o diretor do Departamento de Gestão de Programas de Esporte (DEGEP), Clair Kuhn, e representantes da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), nesta quarta-feira (21.8). Os professores Francisco Zacaron e Emerson Filipino, e o coronel Ribas destacaram a relevância da busca de alunos com maior potencial para o esporte em colégios militares, além da aproximação entre o projeto e programas da SNELIS.


O projeto-piloto teve início em Brasília, no ano de 2005, no Colégio dos Fuzileiros Navais, e foi continuado pela UFOP por meio de estudos científicos. A partir dessa experiência, foi criada uma metodologia de avaliação do potencial esportivo de crianças e jovens, que auxiliará professores daquela instituição no processo de desenvolvimento dos alunos-atletas.


“Estamos há quase 15 anos nesse projeto, que está pronto, testado, validado há 5 anos no sistema do Colégio Militar do Brasil, em que há um acordo de cooperação com o Colégio Militar de Juiz de Fora e a Universidade Federal de Ouro Preto, inclusive com o apoio e a colaboração da escola de educação física do Exército”, afirmou o coronel Ribas.


“Os professores da Universidade [Federal] de Ouro Preto vieram à secretaria para apresentar o projeto, que é muito interessante. O próximo passo é levar o projeto ao secretário da SNELIS [Washington Cerqueira], para avaliação da proposta”, disse Clair Kuhn.


De acordo com o professor Francisco, o projeto de pesquisa tem caráter “multicêntrico e longitudinal” em que é possível avaliar não apenas o diagnóstico de um determinado momento no esporte, mas acompanhar a evolução que o atleta tem mediante processos de desenvolvimento e crescimento.


Ascom – Ministério da Cidadania