Notícias

Notícias

Secretário Décio Brasil é homenageado em premiação de aerodesporto em São Paulo

publicado: 13/09/2019 21h11, última modificação: 02/12/2019 18h47

A Comissão de Aerodesporto Brasileira (CAB) promoveu nesta sexta-feira (13.09), no Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, a segunda edição do Prêmio CAB do Aerodesporto, que homenageia homens e mulheres que contribuem para a difusão e fortalecimento das atividades realizadas pela entidade. Além de atletas de diversas modalidades, o secretário especial do Esporte do Ministério da Cidadania, Décio Brasil, também foi premiado durante o evento como ‘Amigo do Aerodesporto’, por seu apoio, suporte e fomento ao aerodesporto brasileiro. 

 “Tive a grata surpresa e privilégio de receber este diploma. Fico muito honrado de poder estar aqui representando o governo federal”, afirmou Décio Brasil, lembrando de outras personalidades também homenageadas durante o evento, como o presidente da República, Jair Bolsonaro, e os ministros da Economia, Paulo Guedes, da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, e da Cidadania, Osmar Terra.

“Ontem mesmo na reunião do Conselho Nacional do Esporte, no Rio, nós conseguimos dar um passo importante para conceder o Bolsa Atleta para esportes não-olímpicos. Então, pode ser que em determinado momento a gente possa apoiar também o aerodesporto. São esportes difíceis e caros, que precisam do apoio governamental, não tenha dúvidas”, destacou o secretário.

Aerodesporto

Associação de fins não-econômicos, a CAB foi fundada em 1997 com o objetivo de fomentar os mais variados desportos aéreos em todo o país. Presidida pela balonista Marina Posch Kalousdian, a instituição abrange atividades como balonismo, voo a vela, paraquedismo, acrobacia aérea, asa delta e parapente, ultraleves, paramotores e aeromodelismo.

A premiação integra a programação da 2ª edição do International Brazil Air Show (IBAS), evento com foco na indústria aeroespacial internacional e na infraestrutura aeroportuária. De acordo com a Associação Internacional de Transportes Aéreos (IATA), o segmento é responsável por 1,4% do PIB brasileiro. Entre 2012 e 2015, 28 bolsas foram concedidas para atletas de modalidades do aerodesporto por meio de editais do Bolsa Atleta – da Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania – para modalidades não-olímpicas e não-paralímpicas, em investimento que somou R$ 621,6 mil.

Galeria de fotos

IL5D0407

2º Prêmio CAB do Aerodesporto

De São Paulo, Pedro Ramos – Ministério da Cidadania