Notícias

NOTÍCIAS

Secretário Décio Brasil entrega Prêmio a confederações com melhor desempenho em governança

publicado: 05/12/2019 21h33, última modificação: 09/12/2019 18h15

Com o objetivo de unir toda a rede produtiva do esporte nacional e contribuir com uma melhor governança e gestão no setor esportivo, o movimento Esporte Brasil promoveu, nesta quinta-feira (05.12), a quinta edição do Prêmio Sou do Esporte, em São Paulo. O evento contou com a presença do secretário especial do Esporte do Ministério da Cidadania, Décio Brasil, e da secretária nacional da Autoridade Brasileira do Controle de Dopagem (ABCD), Luísa Parente.

 

A política de governança das entidades esportivas foi tema do evento. Para o secretário Décio Brasil, o segmento está no caminho certo. "O esforço de todas as entidades, que aqui presentes buscam a melhora nas suas gestões, é muito significativo para elevar o Brasil à uma nação esportiva. Os resultados já estão aparecendo nas competições, no alto rendimento e também no caminho da inclusão social", explicou. O secretário ainda destacou as principais ações da Secretaria, como o Plano Nacional de Desporto e a regulamentação da política de infraestrutura.

 

decio_brasil_sou_do_esporte.jpeg

 

Em 2019, foram analisadas 29 confederações brasileiras, nas quais cinco receberam o prêmio por reforçarem o compromisso com o desenvolvimento do esporte nacional. O secretário Décio Brasil fez a entrega da premiação.

 

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa (CBTM) ficou em primeiro lugar. "A gente reconhece o valor que tem esse prêmio. Ele é para o engrandecimento do esporte no Brasil. Quem tem esse prêmio está no caminho certo". As confederações de Vela (2° lugar), Atletismo (3°) Golfe e Rúgbi (4°) e Vôlei (5°) também foram premiadas.

 

O presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), Mizael Conrado, ganhou o prêmio de gestor esportivo do ano.

 

Jéssica Barz, de São Paulo
Ascom – Ministério da Cidadania