Notícias

NOTÍCIAS

SNELIS discute incluir em programas sociais ações para detectar e prevenir abusos infanto-juvenis

publicado: 11/11/2019 11h00, última modificação: 17/12/2019 18h44

O secretário nacional de Esporte, Educação, Lazer e Inclusão Social (SNELIS) do Ministério da Cidadania, Washington Cerqueira, esteve na última quinta-feira (7.11) em reunião com Maurício Cunha, secretário nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos. A pauta foi a discussão sobre a possibilidade de implementar políticas que possam complementar os programas da SNELIS, a fim de oferecer aos beneficiados um atendimento que contemple, também, o suporte e prevenção a casos de assédio e violência aos públicos infantil e adolescente.

 

11112019_washington-700x466.jpeg
O assessor Sérgio Santos (E), Washington Cerqueira (C) e Maurício Cunha (D) debateram parcerias entre as secretarias. Foto: Clayton da Silva Bezerra

 

O assessor Sérgio Santos (E), Washington Cerqueira (C) e Maurício Cunha (D) debateram parcerias entre as secretarias. Foto: Clayton da Silva Bezerra O assessor Sérgio Santos (E), Washington Cerqueira (C) e Maurício Cunha (D) debateram parcerias entre as secretarias. Foto: Clayton da Silva Bezerra

 

A SNELIS oferece programas para fomento do desporto educacional e do lazer para todas as faixas etárias, mas há programas que atendem especialmente o público infantil e adolescente no período do contraturno escolar ou das férias. Dessa forma, a ideia inicial é complementar os recursos humanos desses núcleos com pelo menos mais um profissional, especialista na área da psicopedagogia, que trabalharia no atendimento de crianças e adolescentes que possam estar expostos ao contexto de violência e abuso.

 

Além disso, a ideia também é incluir no processo de capacitação dos professores de educação física dos programas a pauta da identificação das situações de abuso sexual infanto-juvenil e o encaminhamento devido para cada caso.

 

Ascom - Ministério da Cidadania