Notícias

Visando atualização corporativa, Ministério do Esporte lança Programa de Modernização (PMME)

publicado: 07/03/2018 00h00, última modificação: 29/01/2020 18h32
39781923635_003e2ad54d_k.jpg

Foto: Francisco Medeiros/ME

O Ministério do Esporte lançou, nesta quarta-feira (7.03), em Brasília, o Programa de Modernização da pasta (PMME). A proposta é estabelecer o modelo de governança corporativa e de gestão participativa, por meio da inovação dos serviços e processos institucionais e da reformulação do planejamento estratégico do órgão.

 

A implantação do Planejamento estratégico do Ministério do Esporte começou há um ano, com o objetivo de inovar e modernizar o modelo de governança, permitindo que todos os servidores e colaboradores participem da definição e execução das metas e dos objetivos do ministério.

 

A apresentação do programa contou com a presença do secretário executivo do órgão, Fernando Avelino, do secretário executivo adjunto, Homero Lima, e da diretora do Departamento de Gestão Estratégica da pasta, Nicir Maria Gomes Chaves.

 

"É com muita alegria que iniciamos esse trabalho de planejamento. Não existe processo que não possa ser aperfeiçoado, mais bem desenvolvido e atualizado. Nessa linha, fizemos o Plano Estratégico com 34 ações, todas discutidas com cada setor. O Ministério do Esporte, na gestão do ministro Leonardo Picciani, está absolutamente comprometido com a governança sólida, moderna, eficiente e eficaz", disse o secretário executivo.

 

Fernando Avelino acrescentou ainda que não há mais espaço para gestão pública sem metas, objetivos e compromissos. "Vamos trabalhar com muito afinco e engajando todos os setores e servidores do Ministério do Esporte. No processo de melhoria contínua não existe a figura mais importante ou menos importante. É um trabalho conjunto", finalizou.

 

O Planejamento Estratégico é resultado de uma série de reuniões com os gestores do ministério, que trocaram e ouviram opiniões sobre o que é mais importante para alcançar os objetivos. A ação também é necessária para ajustar a aplicação dos recursos públicos com o momento econômico que o País atravessa.

 

HQ1.png

HQ2.png

 

 

Breno Barros
Ascom – Ministério do Esporte