Paradesporto

publicado 26/12/2019 12h57, última modificação 26/12/2019 12h57

Configura-se com núcleo do programa: escolas, espaços comunitários ou instituições. Contudo, o interessado deve disponibilizar infraestrutura esportiva adequada para o desenvolvimento das atividades em entidades especializadas no atendimento a pessoa com deficiência, na escola e/ou em outros locais próximos (públicos ou privados) preferencialmente que não demandem transporte para o deslocamento dos beneficiados.
Serão atendidos 60 beneficiados por núcleo.

Sugere-se que aproximadamente 70% sejam pessoas com deficiência e 30% sem deficiência.

Para o desenvolvimento das atividades o ensino das práticas corporais deverá considerar:

a) Os tipos de deficiências dos beneficiados (visual, auditiva, física, intelectual e outras);

b) A faixa etária dos beneficiados e se possível organizar as turmas por proximidade de idade;

c) Inclusão, a favorecer interação entre os beneficiados com e sem deficiência. Cada beneficiado deve participar das atividades 2 vezes na semana, com no mínimo de 3 horas diárias, ou 3 vezes na semana com 2 horas diárias de frequência.